O Corredor

O Corredor - pessoas e histórias

Histórias de desafio e superação, pessoas que emagreceram, ficaram livres do estresse e descobriram na corrida uma nova fonte de felicidade. E mais, coluna social com fotos dos principais personagens e corredores de Ribeirão Preto e região.

3624
Corredor especial biel revista correr

Corredor Especial Biel – exemplo de superação

Foi através do olhar de Biel que o pai sentiu que o filho podia fazer parte da corrida e foi o amor ao esporte que fez Biel ter alguns de seus movimentos de volta

Corredor Especial Biel - Revista CorrerO Biel é um corredor especial, que possui uma deficiência física causada pela falta de oxigenação durante o parto e perda do líquido amniótico durante a gestação. Sua inteligência intelectual ficou preservada uma vez que a parte cognitiva não sofreu danos, fazendo com que ele compreenda exatamente tudo que acontece a sua volta.

Sua paixão com o esporte começou no final de 2013. Seu pai Rodrigo Rocha o levou para assistir uma corrida e durante a largada decidiu que competiriam juntos. Nessa ocasião, foram 5 km empurrados em uma cadeira de rodas sem qualquer tipo de adaptação e foi preciso muito esforço. Mas, mesmo diante da dificuldade, a dupla não parou: os dois já contabilizam mais de 26 corridas e 336 km rodados em provas oficiais, maratonas, meia-maratonas e, inclusive, participaram por duas vezes da São Silvestre, prova emblemática dos corredores.


Com a ajuda do amigo e estudante de engenharia Marcelo de Paula e apoio de duas empresas de Juiz de Fora, Rodrigo esboçou e tornou realidade o seu projeto de triciclo especial. A sintonia da dupla é algo inacreditável, através do olhar e sorriso do Biel, Rodrigo consegue compreender e atender seus anseios. E foi Graças a esta harmonia que o Biel conseguiu adquirir movimentos, que antes nem mesmo anos de fisioterapia conseguiram proporcionar. Foi através do olhar que o pai sentiu que o filho podia fazer parte da corrida e foi o amor ao esporte que fez Biel ter alguns de seus movimentos de volta.

Corredor Especial Biel - Revista Correr

O sonho da dupla é encarar a prova de Ironman, uma modalidade do triathlon, que consiste em três etapas: 3,8 km natação, 180 km ciclismo e 42 km corrida, porém faltam recursos para um projeto deste tamanho.

No final do ano passado, o Rodrigo recebeu uma ligação de uma pessoa que até então ele não conhecia, doando sua bike de triathlon para que ele pudesse comprar seus equipamentos e iniciar no novo esporte! Mas, o sonho era muito maior e comprar apenas a bike não seria suficiente para concluir a prova.
Foi então que, movida pela compaixão do amor incondicional de um pai pelo filho, esse “anjo” (assim que eles a chamam) moveu pessoas e apoiadores, começando uma corrente do bem e iniciando um projeto para que ambos tenham todo o acompanhamento médico e equipamentos necessários para concluir a prova com segurança.

Corredor Especial Biel - Revista CorrerUma só história, mas que podemos tirar várias lições para a vida… Por mais anjos do bem que venham nesta vida para ajudar aos outros sem querer nada em troca e por mais amor entre pais e filhos!

Acompanhe a dupla nas redes sociais e ajude-os neste projeto, tornando o sonho do Biel realidade!
Para ajudar entre em contato através dos endereços abaixo.

Facebook
/saraherodrigo.rocha

E-mail
projetobielnoironman@gmail.com

Instagram
@corredorespecial_biel

>>> Leia a Revista Correr na integra, clique aqui

Corredor Especial Biel - Revista CorrerCorredor Especial Biel - Revista Correr

 

 

662

Dean Karnazes e as suas 50 Maratonas em 50 dias

O atleta conta que além das 50 Maratonas, já correu 560 quilômetros ininterruptos, ficando três noites sem dormir, só parou com medo de ficar maluco.

Dean Karnazes gosta de dizer que é um cara de sorte. Para ele, sua capacidade de correr 563 quilômetros sem parar, enfrentar 50 maratonas em 50 dias seguidos ou suportar 40 graus negativos em um prova no Polo Sul não passa de uma coincidência feliz. “Tenho apenas um bom corpo e uma baita sorte por poder viver dele.” O corredor diz isso com um sorriso que quase convence que ele é um cara comum. “Fui colocado na Terra para correr. Simples assim.” Mas, por trás dessa aparente simplicidade, esconde-se alguém com uma profunda vontade de ultrapassar os limites humanos. Aos 46 anos, o americano quer saber qual é o máximo que seu corpo suporta. Foi assim, afinal, que ele começou a correr, 16 anos atrás.

dean-karnazes-maratonas-revista-correr

No dia em que festejava seus 30 anos, com o organismo lubrificado de tequila, Karnazes teve um estalo: tirar a roupa e sair correndo. Na hora, a ideia pareceu excelente. Vinte quilômetros depois, em outra cidade e só de cuecas, ficou sóbrio e parou, finalmente, para se perguntar que diabos estava fazendo ali. “Olhei para os lados, vi a manhã nascendo e me senti tão bem que… Bem, que continuei correndo. Queria saber até onde poderia chegar.”

Em 2005, resolveu contar sua experiência nas páginas de O Ultramaratonista, best seller que o tornou conhecido e possibilitou um patrocínio para viver do esporte. O corredor abandonou o emprego, mas manteve a rotina. Seu segundo livro, mostra como ele conseguiu terminar 50 Maratonas em 50 Dias. “Todo ser humano tem essa vontade de explorar algo, como o universo ou a natureza. Eu quero explorar o corpo.” (Rita Loiola – Revista Galileu)

50 Maratonas em 50 Dias
maratonas-livro-revista-correr

maratonas-livro-revista-correrEste livro, de agradável leitura, que narra a inacreditável e emocionante aventura que levou um homem, que se diz comum, a correr 50 maratonas em 50 dias consecutivos, a enfrentar calor, frio, uma queda que por pouco não põe tudo a perder, e o medo de ser atacado por um urso, até, revela, ainda, segredos úteis para qualquer um que queira levar uma vida saudável; que queira aprender a lidar com percalços ao longo do caminho; enfim, que queira vencer desafios.

Veja como Karnazes conseguiu completar essa façanha inimaginável desafiando, as limitações físicas, indo além da história das maratonas para revelar os segredos de sua determinação e persistência. Saiba como Karnazes superou os 2.110 quilômetros, queimando 160 mil calorias e muitas vezes dormindo menos de quatro horas por noite.

Dean Karnazes não correu sozinho. Ao seu lado revezaram-se amadores. Em certos casos, seres humanos cujas próprias histórias de vida dariam alguns bons livros, também. Gente que, por exemplo, lutou contra doenças graves não apenas uma, mas três vezes; gente que, aparentemente, não deveria estar na largada de uma maratona, mas que, quatro horas corridas depois, ao cruzar a linha de chegada, está muito melhor do que quando partiu.
Este livro, caro leitor, pode abrir-lhe novos horizontes, e contém valioso ensinamento: superação e o prazer de vencer desafios ajudam a viver melhor.

A má notícia? O livro se esgotou no Brasil, fica a dica para os editores publicarem uma nova tiragem.
Com um pouco de sorte, você ainda encontra em algum sebo por aí.
A dica fica para inspirarmos nesse corredor e escritor, e se falaram inglês, ainda é possível encontrar exemplares na Amazon.
PESO 0.51 Kg
EDITORA Leblon
I.S.B.N. 9788562835001
ALTURA 21.00 cm
LARGURA 14.00 cm
PROFUNDIDADE 1.00 cm
IDIOMA Português
ACABAMENTO Brochura
CÓD. BARRAS 9788562835001
ANO DA EDIÇÃO 2009

386

“Naquele dia, sem nenhum motivo, decidi dar uma corridinha” (Forest Gump)

Essa fantástica cena do excelente filme Forest Gump, me lembrou aqueles dias em que eu estava meio cansado e decidi sair, mas apenas para caminhar.

Aí então em um belo dia, sem nenhum motivo, decidi fazer uma caminhada. Corri até o fim do quarteirão, e quando cheguei lá resolvi completar 1K. E quando cheguei lá, resolvi que conseguiria fazer 2K. E já que tinha ido até lá resolvi completar os 3K correndo. E foi o que eu fiz. Corri até conseguir atingir 5K. Sem nenhum motivo, e segui em frente. Corri até fazer 6K. E quando cheguei lá, já que tinha ido tão longe achei melhor continuar. E ao chegar no oitavo KM, já que tinha ido tão longe resolvi dar meia volta e tentar os 10K.

Nessa longa jornada da corrida, você descobre que aquilo faz sentido, então você arruma companhia. Depois vai chegando mais gente e isso, dá esperança para as pessoas.

E então no final você finalmente diz: eu estou um pouco cansado, vou pra casa agora.

corrida-correr-revista

Clique aqui
assista a
cena do filme

 

Leia abaixo o texto original

Naquele dia, sem nenhum motivo, decidi dar uma corridinha. Corri até o fim da estrada, e quando cheguei lá resolvi atravessar a cidade. E quando cheguei lá, resolvi atravessar o condado de Greenbow. E já que tinha ido até lá resolvi atravessar o Estado do Alabama correndo. E foi o que eu fiz. Corri até sair do Alabama. Sem nenhum motivo, e segui em frente. Corri até chegar no oceano. E quando cheguei lá, já que tinha ido tão longe resolvi voltar e continuar. E ao chegar no outro oceano, já que tinha ido tão longe resolvi dar meia volta e continuar correndo. Quando eu ficava cansado, dormia. Quando tinha fome, comia e quando precisava ir… Bom, sabe… eu ia.

Eu pensava muito na mamãe, no Bubba, no Tenente Dan, mas eu pensava muito mais na Jenny. Eu pensava muito nela. Eles não acreditavam que alguém corresse tanto sem motivo.

– Por que está fazendo isso?

– Tive vontade de correr.

Por alguma razão, aquilo fazia sentido para algumas pessoas. (…) eu arrumei companhia. Depois, arrumei mais companhia, depois chegou mais gente ainda. Disseram que eu dava esperança às pessoas. Bom, não entendo nada disso, mas algumas daquelas pessoas me pediam ajuda. Mas, como eu ia dizendo, eu tinha muita companhia. Mamãe sempre dizia que a gente deve por o passado para trás antes de continuar em frente. Acho que foi por isso que corri tanto. Eu corri por 3 anos, 2 meses, 14 dias e 16 horas.

– Eu estou um pouco cansado. Acho que vou para casa agora.

1558

O site ranker divulgou uma lista com 53 celebridades que correm. A lista possui atores, atrizes e outros famosos.

foto2 Estar em forma é muito importante para muitos atores famosos, músicos, políticos e atletas. Diversas celebridades têm incorporado a corrida em suas rotinas de fitness como uma forma de exercitar os seus corpos, enquanto acalmam as suas mentes. Muitos destes famosos já completaram várias maratonas. O site classificou a lista de acordo com a popularidade dos famosos, por isso a atriz Jessica Alba figura entre os primeiros lugares.

Algumas curiosidades

  • Estrela de reality show Kim Kardashian, corre para ficar em forma, mas ela não usa as famosas de couro de seu noivo Kanye West durante o exercício.
  • Atriz do Sin City, Jéssica Alba, incorporou a corrida em sua rotina de fitness.
  • Jennifer Lawrence utilizou a corrida como parte de sua preparação para seu papel nos Jogos Vorazes.
  • Heidi Klum é uma ávida corredora e desenha roupas de fitness para New Balance com sua coleção HKNB.
  • Shia LaBeouf correu terminou a maratona de Los Angeles com um tempo de 4:35.

foto3Diversas celebridades são corredores dedicados e participam de maratonas. Ryan Reynolds, por exemplo, correu a Maratona de Nova Iorque de 2008, com um tempo de 3h50. Ele aproveitou a oportunidade para levantar fundos para caridade de Michael J. Fox relacionada a  doença de Parkinson.

Acesse o site ranker e confira outras curiosidades e conheça a lista completa com 53 celebridades que correm.

SOCIAL

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com